Portal da Cidade Mariana

REUNIÃO

Câmara discute participação de comerciantes locais no “Viva Mariana Rodeio Show”

A exposição agropecuária ocorrerá entre os dias 22 e 25 de agosto, na Mina Del Rey

Postado em 13/08/2019 às 11:06 |

Atentos à dificuldade enfrentada pelos comerciantes locais para manterem seus empreendimentos, vereadores questionam o modo em que são exploradas as praças de alimentação dos eventos promovidos no município. A Comissão Permanente de Viação, Obras Públicas, Agricultura, Indústria, Comércio e Meio Ambiente recebeu comerciantes do segmento de bares e restaurantes que alegam que “essas estruturas estão sendo formadas sem levar em conta os nichos comerciais presentes na cidade, trazendo de fora ou priorizando comerciantes eventuais a despeito dos locais e fixos”.

O tema da reunião foi proposto pelo vice-presidente da Comissão, vereador Deyvson Ribeiro (SD), e por um abaixo-assinado protocolado há uma semana na Câmara por comerciantes locais. “O que a gente quer é que seja igualitário, que a lei se cumpra e que o processo seja justo para todos”, aponta Deyvson referindo-se à participação dos empresários de Mariana como fornecedores em feiras e eventos, como medida de incentivo ao desenvolvimento local. Também participaram do debate os demais membros da Comissão, vereadores Marcelo Macedo (PSDB) e Tenente Freitas (PHS), e a vereadora Daniely Alves (PR).

De acordo com o secretário de Governo, Edernon Marcos, que participou do início da reunião, o município está investindo R$ 696 mil na exposição. Desse montante, R$ 185 mil na contratação do show da cantora Anitta; R$ 183,5 mil no show da dupla Maiara e Maraisa; R$ 83 mil no de João Neto e Frederico; R$ 130 mil no de Dilsinho; e o repasse de R$ 114,5 mil para o Sindicato dos Trabalhadores Rurais aplicar na organização e produção do evento.

Edernon esclareceu que trata-se de uma exposição diferente de edições anteriores, em que não será cobrada portaria e que a contribuição simbólica de R$ 10 como ingresso será destinada às entidades filantrópicas de Mariana. Segundo ele, foi elaborado um Termo de Fomento por meio do qual “o sindicato compromete-se a custear a diferença entre o que o município vai estar arcando e o que custa efetivamente essa festa através de parceria com a iniciativa privada”.

Para buscar a inserção dos comerciantes da cidade como fornecedores do evento, foi agendada uma próxima reunião sobre o assunto para o dia 13, às 15 horas, na Câmara, com a participação de todas as secretarias envolvidas, do sindicato, comerciantes locais e os parlamentares.


Fonte:

Deixe seu comentário