Portal da Cidade Mariana

Manifestação

Ocupação a escritório da Renova já dura quatro dias

Na manhã de terça feira os escritórios amanheceram de portas fechadas

Postado em 07/06/2019 às 11:07 |

(Foto: Ellen Barros, comunicadora popular da Cáritas Regional Minas Gerais em Mariana.)

Mais de 100 pessoas atingidas pelo rompimento da barragem de Fundão ocupam o escritório da Fundação Renova, no bairro São Pedro, desde a última segunda-feira (03). Elas representam, em sua maioria, as comunidades atingidas dos municípios de Mariana, Barra Longa e Acaiaca.

A ocupação se deu após mais uma reunião, em que os atingidos apresentaram 19 reivindicações, sem acordo com a Fundação. Dentre as pautas, estão o cumprimento do prazo estipulado pela justiça para entrega dos reassentamentos em Mariana e a liberação de recurso para entrega da matriz de danos construída pelos atingidos e assessoria técnica, que assegura uma contraproposta nas indenizações do que foi perdido.

Os manifestantes reivindicam ainda o reconhecimento de Acaiaca como município atingido e inclusão de mais de 400 famílias de garimpeiros e pescadores no processo de cadastramento. 

Em nota ao G1, a Fundação Renova afirmou que "considera legítima a manifestação popular, coletiva ou individual, e reafirma que possui a escuta, o diálogo e a participação social como práticas norteadoras de suas ações".

O escritório permanece ocupado e as propostas sem qualquer resposta até o momento.

Fonte:

Deixe seu comentário