Portal da Cidade Mariana

Beatificação

Arquidiocese de Mariana divulga hino em honra à futura beata Isabel Cristina

A cerimônia de beatificação será realizada em 10 de dezembro de 2022, em Barbacena (MG).

Publicado em 20/09/2022 às 08:42
Atualizado em

A composição do hino é de José Mário Santana Barbosa (letra) e Wallace Gabriel Moura da Silva (música). Já a gravação foi feita pelo Coral “Mosaico”, de Viçosa (MG) (Foto: Arquidiocese de Mariana)

Em preparação à cerimônia de beatificação da Serva de Deus Isabel Cristina, a Arquidiocese de Mariana divulgou o hino oficial em honra à futura beata. Composto pelo seminarista José Mário Santana Barbosa, do 4º ano de Teologia, e pelo organista Wallace Gabriel Moura da Silva, o cântico é uma homenagem às virtudes heroicas da Mártir Isabel Cristina.

Segundo o Padre Geraldo Buziani, que está responsável pela Liturgia da cerimônia de beatificação, “a disponibilização do hino da futura beata é uma oportunidade para que todos os grupos canto da Arquidiocese de Mariana possam aprendê-lo de tal modo que, no dia beatificação, toda a assembleia possa ter uma participação bonita, especialmente, no momento da entrada das relíquias, quando será executado o hino de Isabel Cristina”. A cerimônia de beatificação será realizada em 10 de dezembro de 2022, em Barbacena (MG).

De acordo com José Mário, a ideia de compor um hino para a futura da beata surgiu nos dias seguintes ao reconhecimento do martírio de Isabel Cristina, feito pelo Papa Francisco em 27 de outubro de 2020. À época, em conversa com o organista Wallace, que juntamente com o seminarista também assina a autoria do hino do Seminário São José, eles se dispuseram a escrever a canção, a fim de marcar esta importante celebração. “Depois disso, nós passamos por um longo momento de leitura e de pesquisa sobre a vida dela”, comenta José Mário.

Para isso, os jovens, que assim como a futura beata também possuem ligações com a cidade de Barbacena e Paróquia de Nossa Senhora da Piedade, leram a biografia “A Serva de Deus Isabel Cristina Mrad Campos”, escrita pelo Padre Geraldo Cifani Pinheiro, SVD, de onde foram retiradas algumas imagens como as do lírio branco e rosa vermelha, bem como buscaram compreender a Teologia do Martírio e da virgindade.

Ainda, informações sobre o convívio dela com a sua família e a comunidade, especialmente, como membro da Sociedade de São Vicente de Paulo (SSVP) foram essenciais nesse processo. “Tudo isso porque a Serva de Deus Isabel Cristina é reconhecida não somente por como ela morreu, mas principalmente por como ela viveu”, enfatiza o autor da letra.

A partir disso, os autores iniciaram os trabalhos de escrita da letra e composição da melodia, sempre em constante diálogo, de modo que garantisse um hino harmonioso e bonito. Nos versos, os aspectos da virgindade, do martírio, a vida da Serva de Deus na sua família e na sua comunidade, bem como um pedido por sua intercessão, especialmente, pelos jovens são ressaltados.

Por sua vez, o organista Wallace explica que uma das suas preocupações durante os trabalhos foi que a melodia fosse simples, sem muitas questões técnicas e com saltos complicados, de modo que favorecesse o aprendizado de todos. “A ideia é que seja uma música que as pessoas consigam cantar facilmente”, destaca.

Conforme Wallace, que atualmente estuda Regência na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), outros pontos considerados por ele no processo de composição foram que a melodia não fosse monótona e que remetesse à Barbacena. Para isso, ele utilizou de recursos técnicos de modo que a melodia do hino da Isabel Cristina lembrasse ao de Nossa Senhora da Piedade, padroeira do município. “Eu estou muito feliz e honrado em ter participado desse processo”, salienta.

Já o Pároco da Paróquia de Nossa Senhora da Piedade e o responsável por acompanhar o processo de beatificação de Isabel Cristina, Monsenhor Danival Milagres, reforça a sua alegria com o trabalho feito pelos jovens envolvidos no processo de composição. “O José Mário e o Wallace foram muito felizes tanto na letra, quanto na música do hino. Na letra, o José Mário procurou fazer a memória da história dela e do significado da Isabel Cristina para os seus devotos. Já na música, o Wallace conservou muito estilo também do hino da Padroeira da nossa paróquia”, afirma o sacerdote.

Além disso, Monsenhor Danival também pontua que o “hino que irá nos ajudar muito a rezar e a contemplar as virtudes e o exemplo de vida cristã que essa jovem deixou para nós, sobretudo, para juventude”.

Conheça o hino: https://youtu.be/bi9pgXIpoCg

Confira a letra do hino da futura beata na íntegra:

Branco lírio de pureza ofereces

A Deus Pai louvor perfeito e verdadeiro (Sl 8,3)

Vais agora, casta virgem, finalmente

Alegrar-te com as bodas do Cordeiro (Ap 19,7)

REFRÃO:

No jardim do céu hoje floresce

Desta terra a mais bela flor

Isabel de Cristo, ouve nossa prece

Vê a Igreja, enche-nos de amor

Rubra rosa agora ganhas suma palma

Tens de Cristo nobre honra e mesma sorte (Gl 2,20)

Testemunhas não por falas o mistério (Mt 7,21)

Bradas, antes, abraçando a própria morte

Jovem santa, holocausto de ternura

Na família que te forma e ensina

Vês o pobre, teu irmão, e dele cuidas (Lc 10,33-34)

Resplandece a caridade vicentina

Abençoa nosso povo machucado

Mostra aos jovens o valor da santidade (CV, n. 50)

Que contigo construamos todos juntos

Novo mundo de amor, paz e amizade

Trabalhos técnicos

A composição do hino é de José Mário Santana Barbosa (letra) e Wallace Gabriel Moura da Silva (música). Já a gravação foi feita pelo Coral “Mosaico”, de Viçosa (MG), sob produção musical e arranjo para coro de Renato Luiz Gonçalves. Os cantores são: Glauce Dias da Costa, Amanda Santos, Mônica de Paula Jorge e Natália Rigueira Fernandes (sopranos); Paula de Oliveira Barros, Rosilene Cardoso Barbosa Monteiro, Eulália Maria Gomes de Oliveira e Jennifer Dias (contraltos); Michel Enrique e Walef Kesse Coelho de Almeida (tenores); e Renato Luiz Gonçalves e Victor Nascimento Rosário (barítonos).

Fonte:

Receba as notícias de Mariana no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário