Portal da Cidade Mariana

UNIVERSIDADE

ADM, Direito, Serviço Social e Jornalismo da UFOP tem nota máxima no ENADE

Universidade também superou a média nacional em relação a notas máximas

Postado em 08/10/2019 às 11:29 |

Esses quatro cursos da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) foram avaliados com nota máxima no Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade). Dos 8.821 cursos de instituições públicas e privadas avaliados em todo o país, apenas 5,6% obtiveram nota máxima. Entre as Instituições Federais Ensino Superior (Ifes), o número foi maior: 27,3%, que correspondem a 184 dos 673 cursos.    

A reitora da UFOP, Cláudia Marliére, comemora o resultado, mas destaca que o momento é de preocupação. "As universidades públicas, comprovadamente, têm os seus cursos mais bem avaliados no conjunto das instituições de ensino do país, o que atesta a boa qualidade do nosso ensino superior. Nós da UFOP, que fazemos parte deste grupo, haja vista o bom desempenho de nossa Instituição, temos muito o que comemorar, mas, ao mesmo tempo, nos preocupar, em função do que prevê a Lei Orçamentária (PLOA) encaminhada pelo Governo Federal ao Congresso, que prevê, por exemplo, uma redução de 41% em nossos recursos para serem aplicados na manutenção e funcionamento e 68% em obras e equipamentos, quando fazemos uma comparação com a PLOA de 2019. Chegar à excelência é um desafio, mas desafio maior é mantê-la, principalmente neste ambiente de incertezas que estamos vivendo". 

A UFOP também obteve uma posição de destaque entre as Ifes mineiras: foi a quarta universidade com mais cursos avaliados com nota máxima no estado. "A UFOP superou a média nacional quanto à nota máxima. Estamos alcançando a meta do Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI)", aponta a pró-reitora de graduação, Tânia Garbin.  

Para a Comissão Própria de Avaliação (CPA), esse resultado revela o desempenho positivo dos estudantes nas provas e o amplo comprometimento institucional dos professores e técnicos envolvidos no processo. Sobre esse aspecto, cumpre salientar que a CPA, em parceria com a Prograd, vem mobilizando os Colegiados de Cursos, Núcleos Docentes Estruturantes, Diretorias de Unidades, entre outros atores, no sentido de preparar adequadamente a Instituição para sua participação nesse Exame.   


RECONHECIMENTO - Com nota quatro na edição de 2015, o curso de Administração da UFOP subiu um ponto em relação à edição anterior, ocupando a nona posição entre os melhores cursos de Minas Gerais, dentre os 14 que obtiveram nota máxima. "O colegiado realizou um trabalho de planejamento, visando otimizar o desempenho do curso em diferentes áreas estratégicas, dentre elas o Enade. A nota significa que o trabalho conjunto por uma educação pública e gratuita está no caminho certo, pois mostra que estamos desenvolvendo um trabalho de qualidade, formando profissionais capacitados e comprovadamente reconhecidos", afirma a coordenadora do curso, Deborah Pessoa.    

Avaliado como o quinto melhor de Minas, o curso de Direito manteve o alto aproveitamento no exame, permanecendo com a mesma nota da última edição, realizada em 2015. O coordenador Luiz Albuquerque aponta que é importante ficar atento para manter o bom resultado. "O curso de Direito da UFOP tem sido tradicionalmente um dos melhores do Brasil. Isso é o resultado de um esforço coletivo de docentes, técnicos-administrativos e estudantes que se valem da inteligência, dedicação e criatividade para fazer o melhor possível diante das circunstâncias. Também é preciso ficar muito atento ao sentido das mudanças que estão acontecendo de maneira tão rápida e profunda na sociedade para entendermos como nos manteremos permanentemente atualizados com as novas demandas de forma e conteúdo para o curso".   

Em todo o Brasil foram avaliados 290 graduações de Jornalismo, e a da UFOP ocupou a 18ª posição entre as 22 que obtiveram nota máxima, sendo a segunda melhor do estado. Para a coordenadora do curso, Michele Tavares, "a avaliação positiva do curso significa que estamos no caminho certo em termos de aplicação do projeto pedagógico, mas isso não significa que devemos relaxar e nos acomodarmos. Pelo contrário, já que estamos atravessando um cenário difícil na universidade pública marcado por muita luta, enfrentamento de cortes na educação e outros ataques".    

O Serviço Social também aumentou a nota em um ponto. Dos 22 que conseguiram a nota cinco no Brasil, dois deles foram em Minas, sendo o da UFOP o melhor do estado. A coordenadora Kathiuça Bertollo ressalta o papel da equipe para que o curso chegasse ao resultado positivo, principalmente frente às dificuldades enfrentadas pelo curso e pela Universidade. "É preciso considerar que o Serviço Social da UFOP é um curso recente, criado via Reuni, que enfrenta inúmeras dificuldades para a sua consolidação. No entanto, o cotidiano de trabalho sério e comprometido dos e das docentes com uma formação profissional de excelência, bem como com a região onde o curso está implantado possibilita um significado ainda mais proveitoso e alegre nestes tempos tão árduos". 

 


Fonte:

Deixe seu comentário