Portal da Cidade Mariana

Fique Atento

Mortes por COVID-19 crescem exponencialmente em Minas Gerais

O número de mortos pela doença mais que triplicou em cerca de 24h, o que preocupa os gestores de saúde.

Postado em 23/09/2020 às 15:10 |

(Foto: Pixabay)

O número de óbitos pelo novo coronavírus em Minas Gerais mais que triplicou nas últimas 24 horas. Foram 133 óbitos registrados nesta quarta-feira (23), contra 37 registrados na terça-feira (22).

O total de pacientes infectados no mesmo período também aumentou significativamente: são 3.081 ante 2.039 contabilizados ontem, um aumento de mais de 50%.

Desde o início da pandemia, a doença já matou 6.897 pessoas e contaminou outras 276.314, no estado. As informações são do boletim da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) divulgado na manhã desta quarta (23).

A última ocasião em que o boletim epidemiológico relatou mais de 100 vítimas em 24 horas foi em 11 de setembro (105 mortes). O recorde diário pertence a data de 12 de agosto, quando a patologia findou 170 vidas.

Dos 853 municípios mineiros, apenas oito estão livres do coronavírus - o relatório anterior apontava nove. São eles:

  1. Aracitaba - 2.063 habitantes 
  2. Botumirim - 6.319 habitantes
  3. Camacho - 2.901 habitantes
  4. Cedro do Abaeté - 1.164 habitantes
  5. Pedro Teixeira - 1.807 habitantes
  6. Queluzito - 1.939 habitantes
  7. São Thomé das Letras - 7.089 habitantes
  8. Veredinha - 5.720 habitantes

Os recuperados somam 242.434, enquantos os casos em acompanhamento (infectados monitorados pelo município ou cuja condição clínica aguarda atualização do poder público) totalizam 26.983.

Há 27.570 mineiros internados e 248.744 em isolamento domiciliar. A chamada semana epidemiológica, contada de domingo a sábado, registra 681 casos de síndrome respiratória aguda grave até o momento.   


Receba as notícias através do grupo oficial do Portal da Cidade Mariana no seu WhatsApp. Não se preocupe, somente nosso número conseguirá fazer publicações, evitando assim conteúdos impróprios e inadequados. 📲

Participe: CLIQUE AQUI 👈

Faça parte também das nossas redes sociais: Facebook e Instagram.

Fonte:

Receba as notícias de Mariana no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário