Portal da Cidade Mariana

Patrimônio

Mariana está em busca de reconhecimento da UNESCO

Mariana investe no Patrimônio Histórico e se mantém na busca para a cidade se tornar Patrimônio da Humanidade.

Postado em 19/08/2020 às 13:30 |

Igreja de São Francisco passa por reformas (Foto: PEDRO FERREIRA l PREFEITURA DE MARIANA)

Casa do Conde de Assumar passa por reformas (Foto: PEDRO FERREIRA l PREFEITURA DE MARIANA)

Em 2015, o prefeito de Mariana, Duarte Júnior, em evento na Unesco, na embaixada do Brasil em Paris, reforçou o potencial de Mariana para se tornar Patrimônio da Humanidade.

Após retornar ao Brasil, em uma reunião na Cidade Administrativa com o secretário de Cultura de Minas Gerais, à época Ângelo Oswaldo, e o representante da Unesco no Brasil, a solicitação do título foi feita formalmente.

Desde então, tem havido investimentos no patrimônio histórico da cidade, para preservar as origens de Minas Gerais, estado que nasceu entre as montanhas de Mariana.

O investimento já ultrapassa 40 milhões de reais, investidos na preservação e valorização da história marianense. Entre as obras contempladas estão: a restauração da Igreja São Francisco de Assis, a reforma da Casa do Conde de Assumar e a implantação do Museu da Cidade, a restauração da Câmara Municipal, a restauração da Igreja de Cachoeira do Brumado, a restauração da Igreja de Santa Rita Durão, o cabeamento subterrâneo em todo Centro Histórico, entre outras.

Mariana já possui a chancela internacional de Memória do Mundo, concedida pela Unesco, pelo acervo documental do Arquivo Histórico da Casa Setecentista de Mariana (AHCSM), que fica sob a guarda do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Seu conjunto Arquitetônico e Urbanístico já é tombado pelo Iphan, desde 1945, e a cidade é qualificada como Monumento Nacional.


Receba as notícias através do grupo oficial do Portal da Cidade Mariana no seu WhatsApp. Não se preocupe, somente nosso número conseguirá fazer publicações, evitando assim conteúdos impróprios e inadequados. 📲

Participe: CLIQUE AQUI 👈

Faça parte também das nossas redes sociais: Facebook e Instagram.

Fonte:

Receba as notícias de Mariana no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário