Portal da Cidade Mariana

LUTAS

Mariana sediou 12ª Copa Brasil de Esporte de Contato

Na 12ª Copa Brasil, foram realizadas 16 embates entre atletas de boxe, kickboxing, kickboxing K1 e brazilian grappling

Postado em 10/12/2019 às 13:33 |

(Foto: DANIEL ALMEIDA | PREFEITURA DE MARIANA)

“Mestres, prezem pela integridade física e psicológica dos seus atletas. Eu não quero saber de ego aqui. É preciso cuidado com seus lutadores!”, enfatiza o presidente da Confederação Brasileira de Esportes de Contato (Confbec), Luiz Carlos de Souza, na abertura da 12ª da Copa Brasil de Esporte de Contato.

Sediada em Mariana, estado campeão com 17 pontos, essa edição ocorreu no sábado, 7 de dezembro, na Arena Mariana. O evento foi realizado pela Prefeitura de Mariana, por meio das secretarias de desporto, saúde e defesa social. A competição é seletiva para o campeonato nacional, que será realizado em São Paulo, em janeiro de 2020.

Na 12ª Copa Brasil, foram realizados 16 embates entre atletas de boxe, kickboxing, kickboxing K1 e brazilian grappling de Minas Gerais, São Paulo, Espírito Santo e Rio de Janeiro. O capixaba Douglas Rossini ganhou a modalidade kickboxing full contact, a mais almejada pelos participantes. De acordo com Douglas, a vitória é fruto de muito treino e dedicação ao esporte. "Ganhar a Copa abre portas por outras competições nacionais e internacionais. Valoriza e mostra toda a dedicação dos treinos" comemora.

As mulheres estiveram presentes no pódio também. A lutadora Flávia Francine, de Campinas – SP, foi selecionada para a Copa e ganhou a medalha de ouro na modalidade feminina. Flávia destaca a importância da competição para sua carreira e para a representação feminina dentro do boxe. “Sempre foi um desafio muito grande estar no boxe. É difícil achar lutadoras na minha modalidade. Quanto mais lutas, mais experiência de ringue. Por isso, participar de competições é importante”, pontua.

O diretor da Associação Mineira de Esporte de Contato, Marciano de Jesus, ressaltou a importância do evento para os esportes de contato e para a cidade. “É a primeira vez que Minas sedia uma Copa Brasil e a primeira vez que Mariana recebe um evento de âmbito nacional. Essa Copa é diferente para nós que moramos aqui, é maravilhoso competir em casa”.

Quanto ao crescimento dos esportes de contato em Mariana, o assessor técnico da secretaria de desporto, Wagner Flávio Ramos, destacou a influência da Associação do município. “A Associação Marianense de Esportes de Contatos incentiva a prática também por meio dos projetos sociais, como o “Quem Luta Não Briga”. É auxiliar cidadãos no melhor desenvolvimento social e físico possível”, comenta.

Fonte:

Receba as notícias de Mariana no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário