Portal da Cidade Mariana

Ação

UFOP recebe Moção de Congratulação por combate à pandemia do novo coronavírus

Estudo da Universidade contou com pesquisadores das escolas de Medicina e de Farmácia.

Postado em 18/07/2020 às 12:40 |

(Foto: Pixabay)

Um estudo dos pesquisadores da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) realizado em Nepomuceno (MG), região Sul de Minas Gerais, mostrou que o município pode apresentar uma alta taxa de subnotificação de casos do novo coronavírus.

A pesquisa contou com o apoio da Innovare no desenho amostral. Ao todo, 34 pesquisadores visitaram 400 casas escolhidas aleatoriamente, alcançando toda a área urbana. No processo amostral, somente uma pessoa de cada família foi testada para ser incluída no estudo. As visitas aconteceram dias 30 e 31 de maio. 

O objetivo da pesquisa, segundo o professor do Departamento de Análises Clínicas da UFOP Wendel Coura Vital, "foi verificar a taxa de indivíduos com sorologia positiva para SARS-CoV-2 em um município onde não havia casos de Covid-19". Entretanto, dias antes do início do estudo, houve a notificação pela prefeitura de dois casos da doença.

Breno Bernardes, médico, pesquisador e colaborador da UFOP, gerenciou o trabalho de campo e, segundo ele, os dados coletados mostraram que, para cada caso notificado na cidade, podem existir outros 46 não identificados. "Dos 400 testes realizados, nós tivemos dois positivos. Isso indica que, levando em conta uma população urbana de 19 mil habitantes, poderiam haver 95 pessoas infectadas; e como havia apenas dois casos notificados, seriam 46 casos subnotificados de coronavírus para cada caso notificado".

O estudo também revelou que a incidência atual de Covid-19 no município é de 0,5% e que todo o restante da população é vulnerável ao vírus, ou seja, não tem anticorpos. A pesquisa também confirma que não havia evidências de transmissão comunitária do novo coronavírus na cidade até aquele momento.

[Imagens por Isabela Gomes]


Receba as notícias através do grupo oficial do Portal da Cidade Mariana no seu WhatsApp. Não se preocupe, somente nosso número conseguirá fazer publicações, evitando assim conteúdos impróprios e inadequados. 📲

Participe: CLIQUE AQUI 👈

Faça parte também das nossas redes sociais: Facebook e Instagram.

Fonte:

Receba as notícias de Mariana no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário