Portal da Cidade Mariana

Segurança

Defesa Civil trabalha em ações para o período de chuva

Profissionais capacitados atuam em tempo integral para garantir a segurança dos moradores

Postado em 14/03/2019 às 10:22 |

Defesa Civil monitora pontos de risco (Foto: Prefeitura de Mariana)

O Departamento de Defesa Civil de Mariana está trabalhando em ações para garantir a segurança dos moradores durante o período chuvoso que atinge a cidade. Desde 2016, Mariana conta com o Plano Municipal de Redução de Riscos, criado após um minucioso mapeamento na sede e nos distritos.

Sete profissionais capacitados em operações de proteção atuam em tempo integral no monitoramento e ações concentradas nas áreas consideradas de risco em bairros e distritos. Atualmente 80 áreas, distribuídas em categorias, se enquadram nos setores monitorados: deslizamento de terra, rastejo, rolamento de blocos, inundação e rompimento de barragem.

Além de ações preventivas e planos de contingencias, a Defesa Civil desenvolve o projeto Escola Segura nas escolas municipais, assim como a implantação do Comitê Gestor de Risco e de Núcleos Comunitários de Proteção nas Comunidades.

De acordo com dados do Departamento, no ano passado foram atendidas 249 ocorrências e vistorias preventivas, enquanto nos primeiros meses de 2019 já foram realizados 66 atendimentos.

SAIBA COMO SOLICITAR UMA VISTORIA - O cidadão, caso presencie uma situação de risco humano ou material em seu terreno, poderá solicitar uma vistoria da Defesa Civil através do telefone 199, 153 ou presencialmente. Após a solicitação, a Defesa Civil realiza a vistoria e faz todas as pontuações sobre as condições do terreno. O relatório também é disponibilizado gratuitamente para o solicitante. Para retirar, basta ir à sede do órgão após 10 dias da vistoria, localizado no Terminal Rodoviário de Mariana, portando um documento original com foto. O relatório é um documento importante e garante ao solicitante uma comprovação e um respaldo sobre quais secretarias ficaram responsáveis pelas respectivas manutenções.

Em caso de emergências, ligue 199 ou 153.

Fonte:

Deixe seu comentário